Acerca de mim

A minha foto
Maia, Porto, Portugal
Praça Dr. José Vieira de Carvalho, 45 - 2º Esq./Traseiras, "Edifício Lidador" 4470 - 202 MAIA (frente à Câmara Municipal da Maia).

QUEM SOMOS?

QUEM SOMOS?

O Grupo de Estudos Espíritas Nova Sagres é uma Associação constituída por pessoas da Maia e arredores, que se interessam pelo estudo, divulgação e a prática da Doutrina Espírita, codificada por Allan Kardec.

Nosso Objectivo:

NOSSO OBJECTIVO:

Contribuir, através do estudo e divulgação do Espiritismo, para que todos os habitantes deste nosso planeta Terra encontremos a razão da nossa existência.
De onde vimos, para onde vamos e porque estamos aqui hoje!
Porque é assim a nossa vida! O que poderemos fazer para a melhorar!

Horário

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO


Segunda-feira: - Encerrado (Temporariamente)


Terça-feira: - Encerrado.


Quarta-feira: (Público)
20:30 - Receção do Público
21:00 - Exposição Espírita (Palestra) seguida de Passe.
(Reabre presencialmente a 5 de maio de 2021)


Quinta- feira: - Encerrado


Sexta-feira: (Privado)
20:45 às 22:30 - Reunião de Trabalhadores.

Sábado e Domingo - Encerrado.

Atendimento fraterno: apenas por marcação
Diamantino Cruz - Telem. 96 984 29 29




Contactos

CONTACTOS:

E-mail: gee.nova.sagres@gmail.com


segunda-feira, 26 de julho de 2021

Libertação

 

Há um grande equívoco quando o homem pensa que alguém ou alguma coisa o prende.

Em qualquer prisão, aparentemente imposta por outrem, há uma parte do homem com o seu próprio consentimento.

Assim, a libertação é o trabalho em si para resolver os equívocos internos que mantêm o homem preso a outro ou a situações.

Quando bem resolvidas essas questões, a parte que lhe corresponde do elo que os une dissolve-se, ainda que, do outro lado, tudo se mantenha.

Esta libertação de si próprio, faz o homem fluir no caminho certo, rumo aos elos de luz, onde todos estão unidos pela vontade dessa união, dessa unicidade.

Psicografada em 2021/07/23

Elos

 

Cada homem está relacionado, com os demais, por elos de luz e elos de sombra.

Ao olhar para a vida familiar, certamente consegue perceber quantos elos possui para cada qualidade.

São assim também os elos em cada dimensão da sua vida, incluindo as dimensões espirituais do seu ser.

O objetivo de cada jornada de vida é anular elos de sombra e torná-los elos de luz.

Toda a Humanidade está unida num emaranhado de elos cuja luz que emite representa a totalidade de luz e sombra resultante.

Cada elo de sombra que se anula, cada elo de luz que se forma ou se intensifica, iluminam a Humanidade que, elo a elo, se vai regenerando pela luz.

Psicografada em 2021/07/23

Por Bem

 

“Há mal que vem por bem” – diz a vossa sabedoria popular.

Mas nós dizemos que esse saber é todo verdade, se disser: “todo o mal vem por bem”.

Embora o homem veja o momento, quando muito o contexto, oculta-se a causa profunda e a dinâmica da lei que atua, fazendo-o percecionar “um mal” que expressa o bem em ação.

Deveis confiar no conhecimento das leis divinas ao alcance da sabedoria da vossa estatura espiritual e corrigir, a cada dia, as emoções e sentimentos que mobilizais sempre que forem confrontados com o mal.

As vossas correções serão muito úteis, como energias que adicionam à cura, e não, energias que adicionam à perceção do mal, ampliando-o.

Psicografada em 2021/07/23

segunda-feira, 19 de julho de 2021

Coerência

 

Falha ao homem ainda a coerência, refletindo-se na saúde do seu corpo.

Diz sim com a boca e não com a mente.

Sorri com os lábios e zanga-se o coração.

Atua de um modo contrário à vontade.

Usa da palavra que não traduz o que realmente pensa ou sente.

Com tanta incoerência, perturba o corpo e a sua harmonia, criando e alimentando a doença pela desarmonia que gera.

Psicografada em 2021/07/16

Luz em ti

 

Acolhe com cuidado o luzeiro que carregas, qual candeia iluminando à tua volta.

Para uns, serás um farol; para outros, uma luz de pirilampo; para ti, a iluminação do teu ser.

Esforça-te por lhe dar intensidade com o teu crescimento interior, para que possas ser luzeiro do Evangelho de Jesus.

Psicografada em 2021/07/16

Ama-te

 

Cuida-te, como se fosses o ser mais importante para ti.

Respeita-te, como ao ser mais respeitável.

Acolhe-te, como acolhes os que mais estimas.

Ama-te, com tudo o que já conheces do amor e, à tua volta, todos o reconhecerão pela beleza do que ofereces. A boa relação contigo, de cuidado, respeito, amor, florescerá, frutificará e irá semear pelo exemplo.

Psicografada em 2021/07/16

Força

 

Encontrem a força na fé!

O caminho da ascensão da consciência exige a firmeza que apenas uma fé bem fundamentada pode sustentar.

Assim, o fruto da vossa fé plena será bálsamo energizador para a vossa firmeza de caráter e força interior.

O homem de fé vive já no mundo novo de fraternidade e luz, pois assim é o seu íntimo, iluminado e alimentado pela fé.

Psicografada em 2021/07/16

quarta-feira, 14 de julho de 2021

Dinâmica

 

Reflete e observa: muitas vezes, uma aparente paragem no decorrer da vida pode significar integração do novo nas suas múltiplas dimensões enquanto, outras vezes, a azáfama e o bulício acelerado podem aparentar movimento, contudo, de conteúdo estático nas dimensões mais subtis, com ideias e conceitos cristalizados e obsoletos.

Psicografada em 2021/07/09

Entender a adversidade

 

Por mais difícil que seja a situação, cada um tem em si a capacidade do melhor entendimento que não lhe cause dor. As lutas da vida podem gerar cicatrizes, mas nunca deveriam gerar melindre, ofensa, ressentimento. Essas dores são simplesmente íntimas e fruto do incorreto entendimento das dificuldades.

Só há crescimento do homem perante a adversidade e novas situações, mas aprender esse novo é tanto mais difícil quanto mais acomodado o homem se encontra no momento que atravessa.

Entender a mudança como único elemento da evolução torna o homem flexível e sempre preparado para o novo e para o seu crescimento, com o menor concurso da dor. Mudar atitudes, mudar conceitos, mudar sentimentos, mudar pensamentos: tudo muda.

Psicografada em 2021/07/09

Resolução

 

De tempos em tempos, regressam assuntos já arrumados ou aparentemente resolvidos. Na maioria das vezes não foram aprendidos, apenas adiados pelo afastamento de tais assuntos ou resoluções incompletas.

Quando a vossa energia pessoal revela capacidades para a boa resolução, o vosso magnetismo atrai novamente os assuntos pendentes sob a forma de reencontros, situações que reacendem eventos ou simplesmente questões que avivam memórias latentes.

Acolham a angústia, a dor ou a nostalgia: falam-vos de resgate de emoções, requalificação de sentimentos, reavaliação das situações, auto perdão e perdão ao outro.

Apenas desta forma poderão, de forma plena e definitiva, abandonar vibrações mais baixas que se escondem nas fímbrias mais ocultas do vosso ser.

Psicografada em 2021/07/09

segunda-feira, 5 de julho de 2021

Humildade

 

Porque quer o homem julgar o Criador, criticar os Seus desígnios, definir como, quando e porquê?

Apenas o Criador expressa a infinita bondade, justiça e misericórdia; mas, mesmo já ciente dos Seus atributos, o homem arranja-Lhe alternativas menores, na altura dos seus parcos atributos, embora cheio de vãs certezas.

Este é o mundo que habitais, de materialidade limitada e limitadora.

Este é o mundo que habitais, de energias doentes, medíocres por consequência, porque:

- o homem quer ser deus, mas não o quer ver em si;

- quer o seu poder externo, ignorando o seu poder interno;

- quer aquilo que lhe parece, ignorando o caminho da essência.

A humildade coloca o homem no caminho certo: ao reconhecer a omnipotência do Criador, inevitavelmente, encontrar-se-á Nele.

Psicografada em 2021/07/02

Fluir

 

Como é difícil, para o homem da Terra, fluir com as leis que atuam nos campos onde ele se movimenta e expressa.

Sem luz na consciência para ampliar a percepção, resiste ao fluir, qual barqueiro remando contra a maré.

Olhar os acontecimentos, com olhos de ver, é estudar o modo de se reinventar face ao que se lhe apresenta, sem querer contrariar o fluxo e agindo com a lei, numa atitude de confiança no divino e nos Seus desígnios maiores.

É tempo de aprender a humildade.

Psicografada em 2021/07/02

Recomeço

 

Nestes vossos tempos delicados de vivências controversas, recordem as sábias palavras: “podem hoje começar um novo fim”.

Num mundo de espaço e tempo, há o antes e o depois de causas e efeitos.

A mudança é o motor de evolução desses mundos, pelo que é impossível retornar ao antes.

Com um novo dia, há um recomeço para o devir; assim, todos os dias se cria o novo no amanhã.

Olhem os tempos que vivem: a cada dia que passa, o homem constrói amanhãs bem diferentes do ontem, aspirando pelo regresso de um ontem que jamais voltará.

Esta dissociação entre a realidade cósmica e o capricho humano é responsável por dificultar o recomeço e o fluir da mudança.

Psicografada em 2021/07/02

sábado, 3 de julho de 2021

Serve e Ampara

 

Serve e ampara.

Há grandeza de alma neste humilde servir.

Mas se serves ou amparas para ser grande, enganas-te e emaranhas-te em caminhos turvos.

Quando pensas que te levam à grandeza perante a luz, encaminham-te ao vale das vaidades ocultas que se escondem em mil disfarces e fascinam os desavisados.

Doa-te, pela força que te carrega a alma, mesmo no cansaço.

Doa-te, pela gratificação que te enche o coração, mesmo quando ninguém o reconhece.

Doa-te, pela serenidade que te assiste na tarefa bem-aventurada.

Psicografada em 2021/06/25

Doce Amparo

 

Naqueles dias muito difíceis, nas situações mais duras, quando te sentes só ou impotente, confia que és abençoado com um doce amparo.

Todas as contrariedades e dissabores, aparentemente desagradáveis, são cuidadosas pílulas de redenção da tua alma num doce amparo Paterno.

Não julgues com o que conheces, não vejas com os olhos, não sintas com a pele ou ouças com os ouvidos.

Apenas a visão maior, um sentimento profundo e plena fé te poderão auxiliar no entendimento maior das vicissitudes da tua vida.

Num universo perfeito, fruto de uma obra perfeita e cheia de amor, não há lugar senão para a perfeição.

Cresce em conhecimento, cresce em entendimento para que possas ter olhos de ver e ouvidos de ouvir.

Psicografada em 2021/06/25

quarta-feira, 23 de junho de 2021

Vigia

 

Observa e vigia a manifestação da alma que o teu filho expressa.

Tenta ver as múltiplas tendências das múltiplas vivências.

Apenas nos primeiros anos poderás intervir e tentar sugerir novas abordagens às suas condutas. Com o passar dos anos será cada vez mais difícil essa tua intervenção.

Só o amor, profundo e verdadeiro, poderá dar-te a sustentação para te dedicares aos filhos difíceis. Desenvolve esse amor e aprofunda-o cada vez mais pois, provavelmente, necessitarás de crescer no teu conceito de amor, a fim de perseverares, como pai, na tarefa que assumiste para toda uma existência.

Psicografada em 2021/06/18

Filhos

 

Vê os teus filhos com os olhos do espírito. Só esta visão, profunda, te permitirá o verdadeiro acesso às suas almas.

Na eternidade da vida, os vinte ou trinta anos que vos separam são segundos cósmicos das vossas jornadas.

Hoje pai, mas ontem, alguém que feriu ou foi ferido, que amou ou foi amado, que deixou uma chama de luz ou uma flecha cravada no coração daquele que hoje é teu filho.

O teu compromisso é o de suprir as necessidades de segurança, sobrevivência e preparação para as suas vidas quando ganharem asas e voarem do ninho em busca das respostas às questões que lhes inquietam o coração e que são os seus portais para conhecimento e crescimento.

Ocupa a tua missão fraterna enquanto cuidador, orientador e formador, sem no entanto, interferir na busca do caminho que deverá ser íntimo e pessoal, para que não transformes os teus deveres paternais em cárceres de austeridade, condicionando a liberdade de expressão.

Não descures de te cuidar e crescer, pois o melhor que podes ofertar aos teus filhos é o teu bom exemplo.

A paternidade é uma doce expressão da fraternidade. Assim, esforça-te por ver no teu filho, um teu irmão, também.

Psicografada em 2021/06/18

quarta-feira, 2 de junho de 2021

Escolhas

 

Sempre que escolhes abres uma porta e inicias um caminho, mas também fechas outras portas e rejeitas outros caminhos.

Ao longo da caminhada tens inúmeros momentos de escolha que te fazem abrir portas, trilhar caminhos, em detrimento de outros. Há ainda trilhos que unem uns caminhos a outros, escolhidos ou não, como as sedas de uma teia de aranha. Os propósitos da vida do homem, em muito se assemelham.

Desde a periferia ao centro da teia, como do início ao fim da vida, há caminhos escolhidos com trilhos paralelos.

Quanto mais ciente, o homem está, do caminho que o leva ao centro, mais curto e direto o seu percurso; no entanto, quanto mais distante do conhecimento que o leva ao seu centro, mais escolhas de portas laterais, caminhos paralelos que fazem o homem andar em círculos até que as portas que abre lhe proporcionem o caminho concêntrico pela aprendizagem do caminho interior.

Psicografada em 2021/05/28

Determinismo

 

Só há determinismo nas possibilidades; é impossível um acontecimento contrário a uma lei cósmica.

Assim, para o homem entender os acontecimentos, deve conhecer as leis que os regem, bem como as possibilidades e impossibilidades associadas.

Apenas a ignorância de todas estas questões justifica a insistência do homem em desejar que o impossível aconteça, nas suas múltiplas aparências, e com uma única origem, o egoísmo.

Todas as leis divinas operam na correção desse egoísmo com um determinismo comum, o amor.

Psicografada em 2021/05/28

quinta-feira, 27 de maio de 2021

Reflexão

 

Reflete quanto possas! É o teu maior auxílio na condução do teu ser.

- Antes de agir, reflete nas repercussões;

- Antes de falar, reflete na utilidade da palavra ou do silêncio;

- Ao pensar, reflete no conteúdo;

- Ao sentir, reflete no que geras, plasmas, materializas.

Ao anteceder todas as tuas expressões do ser, a reflexão permite-te a brilhante possibilidade de uma escolha mais acertada para aurir consequências mais benéficas.

Beneficias tu, beneficiam todos; tal é o propósito da reflexão.

Trata-se de um doce benefício de quem tem livre-arbítrio, o qual não deverá ser esquecido, pois potencia a capacidade de bem escolher.

Psicografada em 2021/05/21

Fortalecer

 

Busca fortalecer o teu corpo, os teus músculos, a tua saúde, para que possas manter saudável a manifestação externa do teu ser.

Busca fortalecer a tua mente, os teus pensamentos, a tua saúde mental, para que possas manter saudável a manifestação subtil do teu ser.

Busca fortalecer as tuas relações com os que te rodeiam, com a Natureza, para que possas manter saudável a manifestação universal do teu ser, contribuindo para a harmonia e a saúde do Todo.

Quando não fortaleces estas múltiplas manifestações, expões as tuas fragilidades, e logo o amor divino vem em teu auxílio, numa resposta pronta e perfeita das Suas leis, que são geradoras dos mecanismos que te levarão à harmonia, por te incitarem ao fortalecimento dessas tuas fragilidades.

Psicografada em 2021/05/21

quarta-feira, 19 de maio de 2021

Fragilidades

 

Se consegues ver as fragilidades nos outros, apressa-te a auxiliá-los, empenha-te em fortalecê-los, recorda-os nas tuas orações para que, um dia, possam crescer e deixar essa limitação do ser.

Todos os homens da Terra, sem exceção, possuem fragilidades; contudo, tal como na escola, os alunos mais adiantados podem ensinar os mais novos, e nas famílias, os irmãos mais velhos, podem cuidar dos mais jovens.

Este intercâmbio exercita a aprendizagem de uns e a paciência de outros, a responsabilidade de uns e o respeito de outros, a entrega de uns e a confiança de outros, numa dinâmica de energias salutares e construtivas.

Psicografada em 2021-05-14

Crescer

 

Ao longo da vida, ocupa-te do crescimento do teu ser, não só em maturidade física, mas também em consciência, sabedoria e conhecimento.

Vais encontrar os caminhos que escolhes trilhar, mas também aqueles que te são impostos, porém, dependendo de ti como aceitá-los e vivê-los.

Para crescer é preciso trilhar o novo, o desconhecido, com a vontade de trocar o medo do desconhecido pelo novo conhecimento, pela nova vivência, pela expansão do ser.

Degrau a degrau, o homem sai da sua individualidade a caminho da humanidade para alcançar a fraternidade universal, deixando o “Ego” pelo “Nós” a caminho do “Uno”.

Quando o homem descobrir a beleza desta caminhada, encontrou o seu propósito.

Psicografada em 2021-05-14

segunda-feira, 10 de maio de 2021

Perdão

 

O perdão não é somente uma benesse concedida, mas também o culminar de uma grande mudança interior, na promoção de mudanças benéficas que causam ajustes de luz e correção do ser.

A cura de uma dor da alma leva ao perdão de tudo o que, até então, a gerou. Libertando-se de tais desajustes, o homem capacita-se do perdão. Este é a consequência natural dessa libertação, e não a causa.

Trabalhar o perdão é, assim, procurar todas as questões profundas que impedem a sua natural existência.

Psicografada em 2021/04/30

Prisões

 

De entre as condições dos homens da Terra, há uma particular que os caracteriza no geral: a prisão que uns e outros geram, para si e entre si.

Cada homem cria prisões para si, que vão das mais variadas questões materiais até às prisões ideológicas, prisões mentais e conceptuais.

Há ainda todas essas prisões entre os homens, que advêm de pactos infelizes, promessas vãs, ações enganadoras, enredos infelizes com meandros sombrios, onde uns e outros se buscam e se cobram.

Libertem-se!... Não cobrem: nem dos outros, nem de vós.

Se assim procederem, harmonizam-se e limpam as várias dimensões da Terra, tão enrolada em miasmas negativos.

Psicografada em 2021/04/30

Dívidas

 

A dívida é uma prisão para o devedor.

Se assim são as dívidas materiais, muito mais intenso para as dívidas morais.

O homem necessita corrigir a ideia de dívida para com o outro, para com o Supremo.

Não há dívidas de gratidão. A gratidão é uma oferta graciosa e voluntária: nada tem de obrigação.

É, assim, necessário substituir a “dívida de gratidão” por “dádiva de gratidão”, para que o devedor deixe a posição de subalterno ou servo, e passe a ter uma posição de igualdade e fraternidade.

As dívidas segregam-nos, as dádivas aproximam-nos.

Psicografada em 2021/04/30

quinta-feira, 29 de abril de 2021

Exigências

 

Cuida de não exigires demasiado de ti!

Estás agora a aprender a aceitar-te e a amar-te e as exigências desmedidas podem perturbar a tua aprendizagem.

Tolera-te e aceita-te. Perdoa-te e segue o teu caminho, sem mágoas ou ressentimentos.

Tens uma vida infinita de comunhão contigo, cheia de vidas finitas, para desvendar a tua essência nas suas múltiplas manifestações.

Psicografada em 2021/04/23

Mágoas profundas

 

O que sabes da profundidade das tuas mágoas?

Quanto mais profundas e enterradas no tempo, mais te falam na memória do teu ser espiritual, na tua memória celular.

Observa as tuas reações com as pessoas que te rodeiam. Para cada uma delas tens um padrão de ação e reação diferente para a mesma situação. Certamente terás que chamar à tua consciência o perdão pelas memórias que te condicionam a forma de ser.

Se assim trabalhares em ti, com o tempo, limparás as tuas mágoas e passarás a usufruir de melhores relacionamentos com todos os que te rodeiam. Promoves a auto cura e o teu bem-estar.

Psicografada em 2021/04/23

Expectativas

 

Atenta às tuas expectativas. Verifica se assentam em fundamentos válidos e se alinham com a fluência do que te está destinado.

Mais importante do que criar expectativas é confiar nos desígnios do Pai.

Liberta-te de expectativas para que possas ser livre, sem amarras que te condicionam, sem ilusões que te ofuscam a razão, sem frustrações e desilusões pelo facto da vida, sabiamente, te levar no caminho oposto das tuas vontades desencontradas com o teu propósito de vida maior.

Psicografada em 2021/04/23

domingo, 18 de abril de 2021

ESTUDA

 

Estuda e encontrarás a lâmpada divina

Que, excelsa, te clareia o templo da memória,

Descerrando-te aos pés a senda meritória,

Em que a vida imortal se revela e domina.

 

Estuda e atingirás a visão peregrina

Da Ciência e do Amor, da Beleza e da História,

Antegozando a luz, na sombra transitória,

E prelibando o Céu na Terra pequenina.

 

Estuda e entenderás a glória que se expande,

Da alma que, na humildade, aprendeu a ser grande,

Para quem a ilusão se prosterna de rastros...

 

O livro que aprimora é um mentor que nos guia.

Estuda e sentirás, chorando de alegria,

O coração de Deus pulsando além dos astros.


Leôncio Correia

domingo, 11 de abril de 2021

Medo

 

O medo que sentes hoje refere-se ao teu futuro. Ele intoxica-te hoje, consumindo-te energia e mutilando a tua plenitude, toldando discernimento e limitando a ação.

Com esta conjuntura, o que semeias hoje para colher amanhã?

Racionaliza os teus medos e vence-os. Não lhes permitas dominarem o teu ser.

O amanhã surgirá pleno na medida das tuas potencialidades. Serena a mente e o coração.

Psicografada em 2021/04/09

Aceitação

 

Perante os revezes do caminho trabalha a aceitação. De nada te serve a revelia que não seja enfatizar a carga de dificuldade.

Não procures afastar as situações para evitares que te alcancem, pois, se te pertencem, mais tarde voltarão. Aceita com resignação e faz o melhor de ti para que a lição que carregam te transforme.

Confia que, no seu devido tempo, tudo esfumará naturalmente porque a lição aprendida é situação ultrapassada e desaparecida.

Psicografada em 2021/04/09

MENSAGEM DE ALERTA

 

Irmãos:

 

Permaneçamos na paz de Nosso Senhor Jesus.

O acicate das provações necessárias fere o mundo.

O avanço da inteligência moderna mais se assemelha a rude sarcasmo, tributando a Civilização com vexames e calamidades de toda espécie.

O homem, efetivamente, multiplicou os poderes da máquina que lhe soluciona variados problemas da luta material, mas sofre o escárnio desse avanço, visto que o imenso progresso industrial, que lhe assinala a experiência de agora, mais lhe destaca a miserabilidade do espírito, acelerando-lhe a corrida para os desastres e crises de toda ordem.

Registrando o apontamento, não temos o gosto de manejar a picareta derrotista, nem somos profetas do pessimismo ou da decadência.

Compreendemos o sofrimento individual e coletivo como imposição natural e justa de que não nos é lícito escapar, tanto quanto, na existência comum, ninguém foge ao serviço da limpeza, se pretende evoluir ou preservar-se.

Não há tempestade sem benefício, como não existe noite sem alvorada.

Desejamos apenas comentar com os nossos irmãos de fé a necessidade de mais ampla assimilação do Evangelho em nossas linhas de atividade.

O título de espírita, atualmente, vale por cristão redivivo, envolvendo a inadiável obrigação de socorro ao mundo.

E todos nós, que já recebemos, por mercê do Senhor, o conhecimento da Justiça Divina, através da reencarnação, e a certeza da imortalidade da alma, constituímos, em nome do Mestre, vasta frente de servidores com o dever de ajudar a Humanidade que se debate no caos.

Para que estejamos, porém, investidos do poder que semelhante mandato nos faculta, é indispensável, não apenas pregar o evangelho, mas incorporá-lo a nós mesmos, para que a nossa vida fale mais alto que as nossas palavras.

Nas vastidões obscuras das esferas inferiores, choram os soldados que perderam inadvertidamente a oportunidade da vitória. São aqueles companheiros nossos que transitaram no luminoso carreiro da Doutrina, exigindo baixasse o Céu até eles, sem coragem para o sacrifício de se elevarem até o Céu. Permutando valores eternos pelo prato de lentilhas da facilidade humana, precipitaram-se no velho rochedo da desilusão, a que se prendem pelo desespero e pelo arrependimento tardio.

E o grande conflito entre o bem e o mal continua fragoroso e terrível, concitando-nos à humildade e ao trabalho, ao amor e à renúncia.

Espíritas, irmãos de ideal, se quiserdes o triunfo nas promessas que assinastes Mais Alto, antes de empreenderdes a presente romagem no mundo, é preciso acordar para as responsabilidades de viver e de crer, lutando destemerosamente na regeneração de nós mesmos e no soerguimento moral da Terra!

Guardemos a provação por bênção, o trabalho por alimento espiritual de cada dia, o obstáculo por medida de nossa confiança, a fé por nosso incessante estímulo e a consciência tranqüila por nosso melhor galardão.

A batalha neste século é decisiva para nós, espiritistas e servidores da Boa-Nova, quinhoados com a riqueza do conhecimento renovador! Aceitaremos o Cristo, libertando-nos definitivamente das trevas, ou permaneceremos nas trevas, adiando indefinidamente a nossa libertação com o Cristo.

Que Nossa Mãe Santíssima nos proteja e nos abençoe.

António Luiz Sayão

(do livro "Vozes do Grande Além")

sábado, 3 de abril de 2021

Aprimoramento

 

Tudo aprimora com trabalho e esforço.

A escultura nasce porque se pica refinadamente a pedra.

O arado rasga a terra para a tornar fértil.

A água sulca a terra para formar o leito do rio desde a nascente.

Se te queres aprimorar, terás que sofrer erosões, atritos, adversidades, para que a tua dedicação revele os frutos do teu burilamento.

Psicografada em 2021/04/02

Solidão

 

Se te sentes só, sem a companhia dos que te são caros, pensa em quantos há que sentem o mesmo, porém com companheiros de coração ausente.

Mesmo sem a presença dos que amas, sabes que os tens bem presentes na tua mente e no teu coração, e sabes que também assim estás presente entre eles.

Esse encontro de pensamentos preenche a solidão com doces memórias reconfortantes, numa sintonia de almas.

Se te sentes só, sem a companhia dos que já partiram, sabes que este momento é um ápice na vossa companhia de uma eternidade.

Se te sentes só, sem alguém que te note, pensa que não estás só, porque a companhia do Pai é plena.

Tens apenas que O sentir em ti e à tua volta, em todas as suas manifestações, pois ele serve-se das maiores subtilezas para te cuidar.

Psicografada em 2021/04/02

sábado, 27 de março de 2021

Cicatrizes

 

Assim como um corpo regenera as suas feridas em cicatrizes, também a terra terá que cicatrizar as feridas que o homem lhe causou nos últimos tempos.

A sua cicatrização trar-lhe-á saúde e bem-estar, para si e para todos os que nela habitam.

Contudo, relembrem o processo de cicatrização do corpo, para que possam entender o processo na terra.

Apenas a perspetiva maior vos ajudará a entender os tempos vindouros.

Psicografada em 2021/03/26

Caminhos difíceis

 

Fomos todos impelidos a trilhar caminhos desconhecidos, rebuscados e difíceis.

Pela nossa natureza frágil, facilmente se instala o medo e a dúvida no nosso íntimo, uma vontade enorme de voltar para trás, para o lugar aparentemente seguro de onde todos saímos.

Apenas a confiança no nosso pastor, na sua orientação e no seu propósito poderá fortalecer as nossas pernas, serenar os nossos corações e transformar o nosso medo na certeza do melhor para cada um.

Perante os caminhos difíceis, faz-se imperativo diuturno o momento regular de recolhimento para refazimento das forças, num encontro íntimo com Jesus, onde a paz interior retempera a jornada.

Psicografada em 2021/03/26

Plantação

 

Chegou o tempo de plantar. O terreno está arado e fértil.

Tudo o que agora for plantado irá crescer para, a seu tempo, ser colhido.

Não desperdicem o trabalho árduo que já foi feito na preparação do terreno, deixando-o por cultivar ou escolhendo sementes erradas.

Relembrem, ainda, o compromisso da semeadura até à colheita, que requer cuidado firme e constante na vigilância da nova plantação.

É necessário perseverar.

Psicografada em 2021/03/26

Mundo Interno

 

Em cada homem existe, escondido, um enorme segredo: o seu mundo interno. Esse mundo interno, contém a sua verdadeira essência, tanto de luz como de sombra.

O homem pensa que o seu mundo externo é o seu mundo real e que o seu mundo interno é uma espécie de ficção e imaginação; nada existe de tão equivocado!

O seu mundo externo é palco de experiências na aplicação do que constitui o seu mundo interno.

O seu mundo interno é imenso e infinito, integrado com todo o Universo.

É o local onde efetuamos as mudanças, as aprendizagens, o palco da aquisição de conhecimento, a integração das leis imutáveis.

A cada momento podemos espreitar por uma fechadura e vislumbrar a imensidão desse mundo interno.

O desafio é encontrar a chave e abrir, de vez, a enorme porta que serve de barreira à nossa aceitação desse mundo interno como sendo o nosso mundo real e verdadeiro.

sábado, 20 de março de 2021

Professores diferentes

 Entre familiares e amigos, encontras, na Terra, a oficina do teu burilamento.

Com raras exceções, todos apresentam problemas a resolver.

Problemas na emoção e no pensamento.

Problemas na palavra e na ação.

Problemas no lar e no trabalho.

Problemas no caminho e nas relações.

Prossegues, assim, junto deles, como quem respira ao pé de múltiplos instrutores num instituto de ensino.

Muitos reclamam trabalho, lecionando-te paciência, enquanto outros te ferem a sensibilidade, diplomando-te em sacrifício. Há os que te escandalizam incessantemente, adestrando-te em piedade, e aqueles que te golpeiam a alma, com as lâminas invisíveis da ingratidão, para que aprendas a perdoar.

E as lições vão surgindo, à maneira de testes inevitáveis.

Agora, é o esposo que deserta, dobrando-te a carga de obrigações, ou, noutras circunstâncias, é a esposa que se rebela aos compromissos, agoniando-te as horas... Hoje, ainda, são os pais que te contrariam as esperanças, os filhos que te aniquilam os sonhos ou os amigos que se transformam em duros entraves no serviço a fazer.

Nenhum problema, entretanto, aparece ao acaso, e, por isso, é imperioso te armes de amor para a luta íntima.

Fugir da dificuldade é, muitas vezes, a ideia que te nasce como sendo o melhor remédio. Semelhante atitude, porém, seria o mesmo que debandar, menosprezando as exigências da educação.

Carrega, pois, com serenidade e valor o fardo de aflições que o pretérito te situa nos ombros, convicto de que os associados complexos do destino são antigos parceiros de tuas experiências, a repontarem do caminho, solicitando contas e acertos.

Seja qual for o ensinamento de que se façam intérpretes, roga à Sabedoria Divina te inspire a conduta, a fim de que não percas o merecimento da escola a que a vida te conduziu.

Ainda mesmo em lágrimas, lê, sem revolta, no livro do coração, as páginas de dor que te imponham, ofertando-lhes por resposta as equações do amor puro, em forma de tolerância e bondade, auxílio e compreensão.

Recorda que o próprio Cristo, sem débito algum, transitou, cada dia, na

Terra, entre esses professores diferentes do espírito. E, solucionando, na base da humildade, os problemas que recebia na atitude e no comportamento de cada um, submeteu-se, a sós, à prova final da suprema renúncia, à qual igualmente te submeterás, um dia, na conquista da própria sublimação — o único meio de te elevares ao clima glorioso dos companheiros já redimidos que te aguardam, vitoriosos, nas eminências da Espiritualidade.

(do livro "Religião dos Espíritos")

domingo, 14 de março de 2021

Cristo está no leme

 

Meus amigos, que o amparo de Nossa Mãe Santíssima nos agasalhe e ilumine os corações.

Cristo, no centro da edificação espírita, é o tema básico para quantos esposaram em nossa Doutrina o ideal de uma vida mais pura e mais ampla.

Confrange a quantos já descerraram os olhos para a verdade eterna, além da morte, o culto da irresponsabilidade a que muitos de nossos companheiros se devotam, seja na dúvida sistemática ou na acomodação com os processos inferiores da experiência humana, quando o Espiritismo traduz retorno ao Cristianismo puro e actuante, presidindo à renovação da Terra.

Com todo o nosso respeito à pesquisa enobrecedora, cremos seja agora obsoleta qualquer indagação acerca da sobrevivência da alma por parte daqueles que já receberam o conhecimento doutrinário, porque semelhante conhecimento é precisamente o seio sagrado de nossos compromissos diante do Senhor.

Há mais de dez milénios, nos templos do Alto Egipto e da antiga Etiópia, os fenómenos mediúnicos eram simples e correntios; entre assírios e caldeus de épocas remotíssimas, praticava-se a desobsessão com alicerces no esclarecimento dos Espíritos infelizes; precedendo a antiguidade clássica, Zoroastro, na Pérsia, recebia a visitação de mensageiros celestiais e, também antes da era cristã, na velha China, a mediunidade era desenvolvida com a colaboração da música e da prece.

Mas, o intercâmbio com os desencarnados, exceptuando-se os elevados ensinamentos nos santuários iniciáticos, guardava a função oracular do magismo, entremeando-se nos problemas corriqueiros da vida material, fosse entre guerreiros e filósofos, mulheres e comerciantes, senhores e escravos, nobres e plebeus.

É que a mente do povo em Tebas e Babilónia, Persépolis e Nanquim, não contava com o esplendor da Estrela Magna — Nosso Senhor Jesus-Cristo —, cujo reino de amor vem sendo levantado entre os homens.

Na atualidade, porém, o Evangelho brilha na cultura mundial, ao alcance de todas as consciências, cabendo-nos simplesmente o dever de anexá-lo à própria vida.

Espíritas! Com Allan Kardec, retomastes o facho resplendente da Boa-Nova, que jazia eclipsado nas sombras da Idade Média!

Compreendamos nossa missão de obreiros da luz, cooperando com o Senhor na construção do mundo novo!...

Não ignorais que a civilização de hoje é um grande barco sob a tempestade... Mas, enquanto mastros tombam oscilantes e estalam vigas mestras, aos gritos da equipagem desarvorada, ante a metralha que incendeia a noite moral do mundo, Cristo está no leme!

Servindo-o, pois, infatigavelmente, repitamos, confortados e felizes:

Cristo ontem, Cristo hoje, Cristo amanhã!...

Louvado seja o Cristo de Deus!

 

Bittencourt Sampaio

Bálsamos para a alma

 

A lei do progresso visita a terra.

Por todo o lado há pranto e dores de crescimento.

Um novo mundo começa a surgir, velhos paradigmas vão sucumbir, muitos véus hão de cair, novas ideias irão surgir.

Do caos nasce a nova ordem, burilada e enriquecida pela experiência de uma realidade já vivida e que não mais voltará.

Porque cada um sofreu, cada um renascerá, para não mais ser alguém que já foi, mas para abrir caminhos de progresso e ascensão.

Por toda a parte, o dedo divino sacode a terra e convida à reflexão: um mergulho no interno profundo que irá refletir num externo mais belo, de maior união, amor e fraternidade.

Psicografada em 2021/03/12

sábado, 13 de março de 2021

Em Plena Prova

 Aguardas a melhora que parece tardia...

Suspiras em vão pelo amigo ideal...

Anseias inutilmente pela concórdia doméstica...

Clamas debalde pelo socorro em serviço...

Todavia, mesmo nos transes mais duros, espera com paciência.

*

Ontem devastamos lares alheios.

Hoje é preciso reconstruí-los.

Ontem traçamos caminhos de lodo e sombra aos pés dos outros.

Hoje é preciso purificá-los.

Ontem retínhamos sem proveito a fortuna de todos.

Hoje é preciso devolvê-la em trabalho, acrescida de juros.

Ontem cultivamos aversões.

Hoje é preciso desfazê-las, a preço de sacrifício.

Ontem abraçamos o crime, supondo preservar-nos e defender-nos.

Hoje é preciso reparar e solver.

Ontem cravamos no próximo o espinho do sofrimento.

Hoje é preciso experimentá-lo por nossa vez.

*

Se sobes calvário agreste, irriga em suor e pranto a senda para o futuro.

Qual ocorre ao enfermo que solicita assistência adequada antes da consulta, imploraste, antes do berço, a prova que te agracia.

Aspirando a sanar as chagas do pretérito, comissionaste o próprio destino para que te entregasse à existência o problema inquietante e a frustração temporária, o embaraço imprevisto e a trama da obsessão, o parente amargoso e a doença difícil.

Não atraiçoes a ti mesmo, fugindo ao merecimento da concessão.

Milhares de companheiros desenleados da carne suplicam o ensejo que já desfrutas.

Mergulhados na dor maior, tudo dariam para obter a dor menor em que te refazes.

*

Desse modo, quando estiveres em oração, sorvendo a taça de angústia, na sentença que indicaste a ti próprio diante das Leis Divinas, roga a bênção da saúde e a riqueza da paz, a luz da consolação e o favor da alegria, mas pede a Deus, acima de tudo, o apoio da humildade e a força da paciência.


(do livro "Religião dos Espíritos")