Acerca de mim

A minha foto
Maia, Porto, Portugal
Praça Dr. José Vieira de Carvalho, 45 - 2º Esq./Traseiras, "Edifício Lidador" 4470 - 202 MAIA (frente à Câmara Municipal da Maia).

QUEM SOMOS?

QUEM SOMOS?

O Grupo de Estudos Espíritas Nova Sagres é uma Associação constituída por pessoas da Maia e arredores, que se interessam pelo estudo, divulgação e a prática da Doutrina Espírita, codificada por Allan Kardec.

Nosso Objectivo:

NOSSO OBJECTIVO:

Contribuir, através do estudo e divulgação do Espiritismo, para que todos os habitantes deste nosso planeta Terra encontremos a razão da nossa existência.
De onde vimos, para onde vamos e porque estamos aqui hoje!
Porque é assim a nossa vida! O que poderemos fazer para a melhorar!

Horário

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

> Segunda-feira: (Público)

19:00 às 20:45 - Atendimento Fraterno.
21:00 às 22:30 - Estudo Básico da Doutrina Espírita.

Nota: Na 1.ª Segunda-feira de cada mês, o Estudo será substituído pela exibição de um Filme ou Documentário de caracter Espiritualista.

> Terça-feira - Encerrado.

> Quarta-feira: (Público)
19:00 às 20:45 - Atendimento Fraterno.
21:00 - Exposição Espírita (Palestra) seguida de Passe.

> Quinta- feira: (Privado)
21:00 às 22:30 - Estudo Avançado.

> Sexta-feira: (Privado)
20:50 às 22:30 - Reunião de Trabalhadores.

> Sábado e Domingo - Encerrado.

> Atendimento por marcação - (fora do horário normal de atendimento)
Diamantino Cruz - Telem. 96 984 29 29





Contactos

CONTACTOS:

E-mail: gee.nova.sagres@gmail.com

domingo, 27 de abril de 2014

O Mundo Novo


Isabel de Aragão


"Queridos irmãos:
Fala-vos a vossa serva Isabel que há tanto tempo acompanha o caminho deste País(PORTUGAL); venho trazer-vos novas de coisas que estão para vir e incitar-vos a nunca deixar de fazer o que puderdes para que tudo se passe em ordem.

Esta pátria, cujos reais fundamentos são já mais que milenários tem as condições para se fazer novamente grande, desta vez em Luz e inspiração. Dela partirá o anúncio formal ao mundo da vinda do Cristo com toda uma hoste de Mestres, de anjos e servidores para dar ao mundo um novo impulso (as «Novas Escrituras» estão já traduzidas nas principais línguas e espalhada por todo o Planeta). Dela também, queridos irmãos, partirá a palavra de alegria e esperança a manter perante tempos conturbados de desastres sociais, fomes, epidemias, catástrofes naturais (parece que já estamos vivendo o princípio das dores). Como consequência do retorno das energias negativas acumuladas nos planos psíquicos, como sejam os vícios, a ambição, a impiedade, o egoísmo, a desonestidade, a corrupção, virá pois, um período de provação, que fará apurarem-se na prova do fogo as novas ideias, a nova sociedade que há-de substituir a velha que está a desaparecer, almas novas herdarão o novo mundo redimido.

Digo-vos, ciente do que afirmo, que este país está já a começar a ter um papel crucial em tudo isto que afirmo, nele residindo um escol de discípulos capazes de muito fazer e muito saber. Alguns desconhecedores ainda das suas potencialidades estão entre vós.

Aqui em Portugal, em fraterna comunhão com todo o planeta, existe um grupo que, entre dificuldades, incompreensão e solidão, tudo está a fazer e tudo fará para que, quando o Cristo chegar, ninguém possa dizer: eu não sabia ou não me ensinaram a conhecê-Lo, por isso falhei. Esse grupo avança já em terrenos que desconheceis. Ele está activo em níveis espirituais e o punhado de irmãos nossos que o constituem, encarnados fisicamente, luta para realizar aquilo que antevê.
Eles sabem que com Cristo, a quem servem, tudo é possível. Contudo, sem vós e sem a vossa disposição de, em lugar de passivos, vos fizerdes activos contribuidores do Plano Divino que se realize, o país não desempenhará a parte que lhe compete. Vós podeis e deveis interrogar-vos acerca da maneira como podereis ajudar a manifestação dos desígnios Divinos. Não é digno que simplesmente procureis provas e mais provas, que mendigueis o contributo dos Espíritos de Luz para as vossas pequenas vidas, sem nada oferecerdes em troca. E o que podeis oferecer?

Irmãos, seria mais fácil explicar-vos o que não podeis oferecer. Vós podeis oferecer sempre uma vontade diligente de aprender e investigar sobre as realidades espirituais; podeis também oferecer, na vida diária, o vosso amor, a disponibilidade perante os outros e uma grande alegria de viver. Não é bom que vos preocupeis apenas com as vossas mazelas corporais ou espirituais, pois assim não se cultiva a liberdade do espírito e a coragem de enfrentar os desafios a Luz da esperança renovada às vossas vidas; porque agora começa o tempo de os homens trabalharem para outros reinos da natureza, outras evoluções para todas as criaturas.

Agora é-vos dito que podeis estar entre os primeiros a instituir uma nova maneira de viver num mundo renovado pela misericórdia de Deus e acção do Novo Cristo que se aproxima do mundo dos homens.

As simples preces devem tornar-se afirmações. As vossas almas trazem em si a potencialidade que, reanimada pela irradiação energética do Cristo e dos seus servidores abriria novos caminhos de serviço. Deveis aprender a não pedir nada para vós próprios mas tudo para o bem da Humanidade e de todas as criaturas que estão com ela, incluindo os irmãos do reino animal.
Deveis aprender que a energia segue o pensamento e que, se podemos já antever que os pensamentos negativos de muitas gerações desencadearam as energias que agora estão a produzir grandes provações, podemos também antever algo mais: que se todos aprendemos desde já a usar a mente para produzir energia positiva, intencionalmente, muito poderá ser feito para aliviar a dor do mundo e para começar a construir-se um mundo Novo."

Isabel de Aragão

2 comentários:

Lucília Benvinda disse...

Estava eu a ler na Internet sobre esta Rainha... e falei dela ontem... e da vossa Nova Sagres... e deparo-me aqui com esta mensagem tão boa! Fiquei feliz!
Muito grata,
Lucília

Lucília Benvinda disse...
Este comentário foi removido pelo autor.